Está aqui

“O Meu Olhar – Rostos e Expressões” no Centro Cultural de Cascais

No Centro Cultural de Cascais, foi inaugurada a exposição de fotografias “O Meu Olhar - Rostos e Expressões”, que estará patente até 27 de agosto. A exposição mostra imagens captadas pelos utentes do Centro de Atividades Ocupacionais - Casa do Sol, do Centro Social do Pisão, que acolhe pessoas na área da saúde mental. Através das fotos, cada um procura transmitir a forma como vê o outro, de forma livre, espontânea e pessoal.

“Esta experiência foi boa, todos nós temos uma vida no Pisão, conhecemo-nos uns aos outros. Quando captámos estas imagens, tentamos mostrar o que somos e o que fazemos”, disse Davidson Semedo, 38 anos, utente da Casa do Sol.

Esta exposição é a segunda edição de um projeto iniciado no ano passado, com a colaboração do fotógrafo Nuno Parreira. “ A fotografia como forma de expressão” referiu o fotógrafo. A primeira temática foi o espaço onde residem, o Pisão, e a segunda o retrato: “Uma maneira de verem o mundo e de se verem uns aos outros”.

“A envolvência dos utentes neste projeto passou pela captação das imagens, pela pintura e construção dos painéis onde foram expostas: os utentes acompanharam todo o processo”.

“Uma grande iniciativa da Santa Casa da Misericórdia de Cascais, através do Hospital do Pisão, que vem demonstrar que todos nós temos talento, basta termos a capacidade de a descobrir ou de termos alguém que nos ajude”, referiu Carlos Carreiras, presidente da Câmara de Cascais, na cerimónia de inauguração da exposição.

O Centro de Atividades Ocupacionais (CAO) – Casa do Sol é uma resposta social integrada no estabelecimento Centro de Apoio Social do Pisão, pertencente ao Instituto de Segurança Social, IP, sendo administrado pela Santa Casa da Misericórdia de Cascais. Apoia adultos com doença do foro psiquiátrico e tem como objetivo melhorar a qualidade de vida dos seus utentes, proporcionando uma maior estimulação das suas capacidades e potencialidades, assim como a melhoria da autoestima e da autonomia. Esta resposta está preferencialmente vocacionada para abordagens que visem a progressiva inclusão social dos seus utentes, criando situações que permitam cada vez mais o contacto com o exterior.

Sugerimos também

Cascais Digital

banner_cascais_0banner_cascaisambiente_0banner_cascaisparticipa_0banner_cascaisjovem_0banner_cascalitosbanner_lojacascaisbanner_bairromuseus_0banner_geocascaisbanner_agendacascaisbanner_fixcascais