CONTACTOS
Fale connosco
800 203 186
Em rede

Está aqui

Património Cultural de Cascais em debate

A gestão do património cultural em Cascais vai estar destaque no Dia Internacional do Museus, 18 de maio. Sob a temática “Património, onde o passado encontra o futuro”, a Fundação D. Luís I promove uma conferência com Carlos Vargas, docente na FCSH da Universidade Nova de Lisboa e presidente do OPART; João Jacinto, pintor e docente na FBA da Universidade de Lisboa; João Miguel Henriques, historiador e chefe de divisão dos Arquivos, Bibliotecas e Património Histórico da Câmara Municipal de Cascais; Guenrikh Elessine, violoncelista e membro do Quarteto com Piano de Moscovo e Salvato Teles de Menezes, presidente da Fundação D. Luís I.

Por decisão do Parlamento Europeu, 2018 é o Ano Europeu do Património Cultural. Esta iniciativa, centrada nos cidadãos, pretende fomentar a diversidade e o diálogo interculturais, a coesão social e o desenvolvimento local.

Nesse sentido, a conferência “Património, onde o passado encontra o futuro” tem lugar no Centro Cultural de Cascais, no dia 18 de maio, às 18h30. A sessão decorre no âmbito da programação do Dia Internacional dos Museus, cujo mote “Museus hipercontectados: novas abordagens, novos públicos” foi definido pelo ICOM – International Council of Museums.

Fundação D. Luís I | É uma instituição que, em estreita colaboração com a Câmara Municipal de Cascais, tem por missão principal a programação dos equipamentos culturais do concelho de Cascais.

 

Cascais Digital

banner_cascais_0banner_cascaisambiente_0banner_cascaisparticipa_0banner_cascaisjovem_0banner_cascalitosbanner_lojacascaisccbanner_geocascaisbanner_agendacascaisbanner_fixcascais