Está aqui

Objetivo 1: Erradicar a pobreza

 
A eliminação da pobreza é assegurada por um modelo de desenvolvimento sustentável.
Sendo um conceito multidimensional, a pobreza não se resume apenas à falta de capacidade dos indivíduos em suprirem as suas necessidades mais elementares no dia-a-dia.
Trata-se de assegurar a plenitude dos seus direitos humanos enquanto membros ativos de uma sociedade que beneficia do seu contributo individual não deixando ninguém para trás.
Assim, o planeamento das cidades, da educação, dinâmica económica e acesso a recursos fundamentais (habitação, alimentação, entre outros) garantem a abordagem multidimensional para o combate à exclusão e consequente pobreza.
Sendo Cascais um município com amplas políticas sociais e de apoio às populações mais fragilizadas, continuará a diferenciar as políticas de apoio para a mobilidade e sustentabilidade social.

 

Metas Globais | Objetivo 1Boas PráticasSaiba maisDê o seu contributo
Metas Globais | Objetivo 1
Realce para as metas globais que apresentam um maior potencial para o processo local. Estas podem assim ser redefinidas com base nos objetivos locais e capacidade de resposta institucional:
 
1.2. Até 2030, reduzir pelo menos para metade a proporção de homens, mulheres e crianças, de todas as idades, que vivem na pobreza, em todas as suas dimensões, de acordo com as definições nacionais
 
1.3. Implementar, a nível nacional, medidas e sistemas de proteção social adequados, para todos, incluindo limiares, e até 2030 atingir uma cobertura substancial dos mais pobres e vulneráveis
 
1.4. Até 2030, garantir que todos os homens e mulheres, particularmente os mais pobres e vulneráveis, tenham direitos iguais no acesso aos recursos económicos, bem como no acesso aos serviços básicos, à propriedade e controle sobre a terra e outras formas de propriedade, herança, recursos naturais, novas tecnologias e serviços financeiros, incluindo microfinanciamento
 
1.5. Até 2030, aumentar a resiliência dos mais pobres e em situação de maior vulnerabilidade, e reduzir a exposição e a vulnerabilidade destes aos fenómenos extremos relacionados com o clima e outros choques e desastres económicos, sociais e ambientais
 
1.a. Garantir uma mobilização significativa de recursos a partir de uma variedade de fontes, inclusive por meio do reforço da cooperação para o desenvolvimento, para proporcionar meios adequados e previsíveis para que os países em desenvolvimento (em particular, os países menos desenvolvidos) possam implementar programas e políticas para acabar com a pobreza em todas as suas dimensões.
 
1.b. Criar enquadramentos políticos sólidos ao nível nacional, regional e internacional, com base em estratégias de desenvolvimento a favor dos mais pobres e que sejam sensíveis à questão da igualdade do género, para apoiar investimentos acelerados nas ações de erradicação da pobreza
Boas Práticas
- Os espaços Gabinetes Mais Perto têm duas vertentes de atuação. Por um lado fazem atendimento pontual e por outro acompanhamento individual aos residentes em Cascais, sempre em estreita articulação com parceiros locais. São uma resposta individual  e urgente que abrange áreas como a habitação, centro de dia/lares, dinâmica família, saúde, transportes, creches/ jardim-de-infância /escolas/ bens de primeira necessidade, legalização e assuntos relacionados com emprego e formação.
 
O Plano Concelhio para a Integração de Pessoas Sem Abrigo visa apoiar as pessoas em situação de sem-abrigo que representam a expressão mais visível de um contexto de exclusão social. A definição ao nível local de uma intervenção estratégica viabiliza o reforço de uma rede de parceria colaborativa, para maior conhecimento do fenómeno, definição de medidas de prevenção e definição de procedimentos e redes de intervenção na emergência e no acompanhamento a médio e longo prazo.
 
A Plataforma de Recursos de Apoio na Privação Material que congrega 37 entidades com intervenção neste domínio, move-se na área do combate à pobreza sendo o seu foco na dimensão da privação material, privilegiando o trabalho articulado e em rede. Tem como visão que todas as pessoas no concelho em situação de privação material encontrem um apoio qualificado e, nesse sentido, assume como finalidades a abordagem estratégica e prospetiva desta problemática, o contributo para a qualificação, o conhecimento e o acesso aos recursos neste domínio
 
Saiba maisDê o seu contributo

Todos podemos contribuir para a concretização do objetivo "Erradicar a pobreza"

- Tem uma ideia que contribua para atingir este objetivo? Envie-nos por e-mail.
- Sempre que divulge uma ação ou projeto que seja relevante para os Objetivos use o hashtag  #CASCAIS2030

Para dúvidas e/ou esclarecimentos, por favor contacte-nos através do e-mail cascais2030@cm-cascais.pt

Cascais Digital

banner_cascais_0banner_cascaisambiente_0banner_cascaisparticipa_0banner_cascaisjovem_0banner_cascalitosbanner_lojacascaisbanner_bairromuseus_0banner_geocascaisbanner_agendacascaisbanner_fixcascais